Nossa parte no trabalho é servir. Ao trabalharmos, estamos ali para servir, primeiramente ao Senhor. Você entendeu certo, é isto mesmo: servir no serviço, servindo. Se fosse possível enxergar Cristo em nosso ambiente de trabalho, sem dúvidas seriamos mais fiéis ali, naquele lugar, com aquelas pessoas, todos os dias. Trabalho exige esforço, aleluia, xô preguiça!

"Trabalhei com todas as minhas forças na reconstrução da muralha [...]" Neemias 5.16

Devemos buscar sempre a excelência e o equilibro. Bem como o trabalho, descansar vem dos céus. Trata-se de ter fé que seis dias de esforço serão tão produtivos que tornam possível um tranquilo descanso no sétimo dia, sem problema algum, totalmente revigorante.

Obviamente, o profissional tem diversas responsabilidades. Uma delas é colocar Deus em seu devido lugar, como o dono da terra e de tudo o que nela existe. É pecado não colocar o Senhor em primeiro plano, antes de qualquer outra coisa. Os valores não podem ser invertidos. Dinheiro vem depois, é detalhe, apenas o meio pelo qual e não a finalidade maior.

A maior consequência negativa para quem não cumpre com seus compromissos, retendo indevidamente seu dinheiro, é a possibilidade do devorador agir sem piedade. A partir do momento em que o ambiente favorável para pragas estiver estabelecido, elas vão surgir. O gafanhoto se alimenta do que fica guardado, esquecido e empoeirado, sem utilidade.

Devemos nos esforçar para cumprir os propósitos do Senhor. Ele ainda tem muitos planos maravilhosos para realizar, o mundo já foi salvo, o mais difícil já foi feito e o melhor esta por vir. O padrão de excelência divino é muito maior do que o nosso, Deus é perfeito.

"Então os nossos inimigos das nações vizinhas souberam disso e ficaram desmoralizados porque todos ficaram sabendo que o trabalho havia sido feito com a ajuda do nosso Deus"   Neemias 6.16

A principal consequência positiva para aqueles que cumprem seus deveres é a multiplicação. Deus nos resgata do perigo, nos livra da tristeza que é ter o pecado como rumo de vida, Ele provê nossas mesas com fartura, nos veste, aquece do frio, refresca no calor, da vitória sobre o inimigo, nos traz paz e felicidade. É um Deus incrível de possibilidades infinitas. 

O Senhor eterno tem compromisso com quem tem compromisso com Ele. Devemos, a partir de hoje e, para o resto das nossas vidas, reconhecer, honrar e agradecer o que Deus tem feito e ainda vai fazer com nossas histórias. A mudança começa agora, para a eternidade!

Graça e paz.